Google+ Followers

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

A ÚLTIMA POSTAGEM

Nessa data, 25/11/2014, faz exatamente 1 ano que em busca de direitos, alguns aspirantes ao cargo de Agente Penitenciário " invadiram" o plenário da ALMG. Não obstante tenha se passado um ano, e pareça que seja um curto espaço de tempo não foi. Nesse ano que se passou, tive muitas decepções com o Sistema. A bem da verdade, três palavras caracterizam bem nossa estrutura: politicagem,  inércia e vaidade. A nossa conjectura política lembra muito o trecho da música ideologia: "os meus heróis morreram de overdose, meus inimigos estão no poder". Entre nossas idas e vindas nos movimentos sociais, tive uma conversa como Dep. Sargento Rodrigues que me advertiu sobre minhas críticas, que por sinal eram bastante ásperas. Dentre as suas palavras ele dizia que: "às vezes nós espoliávamos quem estava nos ajudando", hoje entendo muito bem o que o digníssimo Deputado quis dizer. Portanto, a verdade é que me enganei com nossos supostos pseudo-representantes. Sinceramente, o que ocorre no projeto de poder (entenda-se também por politicagem) é muito simples: os que se consideravam oprimidos querem ser opressores gerando com isso um círculo vicioso sem fim. Logo, é como dizia Charles Chaplin em sua divina atuação no filme "O Grande Ditador": "os tiranos querem liberdade, mas a querem para dominar o povo". Nesse um ano que se passou serviu para aprender, tomando muita pancada, diga-se de passagem, um pouco do funcionamento da política  ao qual estamos subordinado. E a dinâmica é muito simples, aos moldes do Brasil Imperial: " aos amigos TUDO, aos inimigos os rigores da LEI." Por conseguinte é assim que se trabalha o projeto de poder em nosso Sistema. Arraigada a questão politica está a Inércia. Essa então é apoiado no entrave que é a burocracia. Entre nossas idas e vindas pelos movimentos sociais escutei relatos de Agentes que estão esperando por suas Identidades funcionais a mais de 5 meses! E pasmem, alguns agente do concurso 2012 nem fizeram o Tecaf ainda. Mas é assim que a coisa anda: " senhozinho mando, guarda tem que fazer!". Por último, a vaidade. A essa não tem com mensurar seu estragos para nossa classe. E a famosa toada do " EU FIZ, EU QUERO, EU MANDO", contrariando o verdadeiro sentido das instituições democráticas. E há quem diga que em nossa função o servidor é a ponta da lança, a gestação participativa e blá, blá, blá! Portanto, essa data que deveria ser o memorial de nossa luta, tanto em prol do servidor efetivo, quanto contratado; o dia em que nós vencemos a autocracia e conseguimos nosso objetivos que era tanto a nomeação dos concursados, quanto a manutenção do emprego dos servidores do contrato, tem-se a nossa luta maculada por facínoras que olham somente o próprio umbigo. Contudo, haverá um dia em que nossa classe entenderá o verdadeiro valor que esse ato teve. Por fim, torço para que não seja tarde demais e que nossa classe não tenha se tornado uma espécie de curral de votos, pois, só de pensar assim sinto mal. Aproveito o ensejo, e digo que essa será a última publicação desse blog, bem como, o meu desligamento da vice-presidência da AASPESEN-MG, muito obrigado por todo o apoio que vocês "guardas" me deram!     




Nesse dia achei que nossa classe iria ser ajudada, engano o meu!  


segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Esclarecimentos a cerca da Manifestação

         Primeiramente, gostaria de agradecer ao companheiro Alexandre Figueiredo Cavalcante, o Guerreiro, por nos ajudar a difundir a nosso apoio a manifestação dos Servidores do Sistema Prisional. Vale lembrar que essa manifestação é uma parceria de nossa Associação com nosso Sindicato, o Sindasp, e é a melhor forma de buscarmos resolver nossa mazelas. Dentre as pautas está a nossa segurança, pois, nosso irmão de farda estão tendo suas vidas ceifadas em pleno translado do serviço; equipamento de proteção individual; seguro de vida, visto que, até hoje, a família de nosso companheiro Wesley Fabrício Ribeiro não recebeu nem os dias trabalhados, tampouco, o processo de pensão da mãe de nosso colega saiu; Auxílio Funeral, já que, nosso Sindicato teve que arcar com parte das despesas do velório de Wesley Fabrício Ribeiro, pois, o estado só cobriu uma parte; Tecaf, ainda mais para nós aqui do Norte, pois, na nossa vez, o curso de tiro foi interrompido e até hoje não retornou, e nem tem data para retomar as atividades; apoio também aos candidatos do concurso de 2013 ASP/ASE, pois, a bem da verdade, não se tem certeza de que o "atual cronograma" será cumprido.        
          
         Nesse momento vale esclarecer como funcionará a ida a Belo Horizonte:
  
        O Sindasp se comprometeu a custear a viagem para a manifestação, alugar uma Van ou um ônibus, para tanto é necessário o NOME DO  INTERESSADO para realizar a viagem de maneira segura e confortável. Portanto, diante dos fatos relatados, só depende de nós querermos participar desse processo de mudança.
       
        Peço aos interessados que enviem o nome até terça feira, dai 25/08/2015, até às 17H. Ressalto que o convite é para os servidores do Sistema Prisional, Socioeducativo e os candidatos do concurso de 2013 dos certames ASP/ASE.  
     
         Por fim, quem tiver interesse em participar da manifestação favor ligar na AASPESEN-MG, tel- 3221-5507, falar com Cida, e dar seu nome. Vale ressaltar que o lugar do embarque mudou. Antes, era na porta da Associação, mas, por um questão de logística, será na PRAÇA DA CATEDRAL.  
         
     
Somente quando manifestamos é que conseguimos o que é nosso por direito
Essa fotografia representa bem a força que os movimentos tem, então, Força e foco
e vamos a Reunião com nosso Sindicato. 

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

A AASPENSEN-MG fecha acordo com o Lagoa da Barra

A AASPESEN-MG, Associação dos Agentes de Segurança do Sistema Prisional e Socioeducativo do Norte de Minas Gerais, por meio de seus representantes têm muita satisfação de publicar o convênio firmado entre nossa entidade e o Country Clube Lagoa da Barra.  O convênio funcionará da seguinte maneira:

Aos nossos ASSOCIADOS da AASPESEN-MG, bem como os dependentes dos mesmos, com sua contribuição mensal em dia;

 O filiado da AASPESEN-MG foi agraciado, por força de contrato, com a isenção do pagamento da Joia do clube, 1000 (um mil reais), bem como, a redução da taxa de mensalidade (consórcio) que é de 80 reais mensais 50 reais por mês para nosso associado.


Portanto, é com esse espírito que a AASPESEN-MG coaduna para o bom andamento do Sistema Prisional lutando nas mais altas esferas de poder; mas também, realizando, obras para cuidar do lado lúdico de nosso maior bem, o Agente de Segurança Penitenciário.  


Contrato Firmado como Clube por nosso Presidente.

domingo, 2 de agosto de 2015

Será mais um número para as estatísticas?

Mais uma vez, vê-se um companheiro(a) de farda ter sua vida ceifada de maneira abruta, vil e sem chace de defesa. Não convém falar sobre qual o destino que deveria ter os autores, os mandantes, quem quer que seja por dois motivos. O primeiro, vive-se hoje em uma ditadura da inversão, ou seja, quem trabalha não faz mais que sua obrigação; em  contra partida, quem é voltado ao que não presta, tem todas a garantias, que por sua vez são embasadas na "legis", a ser reconduzido ao meio social. O segundo, arraiga-se na ditadura da mídia em que se vive em pleno período democrático, ainda mais quando se tem vínculo com alguma instituição, vê-se que liberdade de expressão, não existe. Agora, a respeito de quem vive de seu esforço, as prerrogativas são desconhecidas, certamente, por não existirem. A cerca de 3 meses, perdemos um companheiro de farda aqui no Norte de Minas, como é de amplo conhecimento. Ressalta-se que o "modus operandi" é análogo ao que ocorreu em Uberaba. O que é de deixar pasmo e que até hoje, a família de nosso colega não recebeu nem os dias por ele trabalhados, tampouco, tem-se notícia do processo para o pensão para a Mãe de nosso Caveira. Vivian Cristina Medeiros Gonçalves, Agente de Segurança Penitenciário, 37 anos, tinha uma filha e já havia dedicado cerca de 9 anos de sua vida ao Sistema Prisional e é essa a retribuição pelos serviços prestados. Nesse momento, é crucial prestar apoio à família da vítima, pois, esses sim necessitam de amparo, e não vai ter nenhum apoio dos Direitos Humanos, isso  tenham certeza. Por fim, nesse momento, o sentimento de tristeza inunda nosso ser e com razão, uma vez que, por mais que não pareça somos Seres Humanos, tão quanto, os facínoras,  os covardes, que atacam pela costas, como sempre ocorre nos atentados aos profissionais de segurança Pública.  

     

quinta-feira, 16 de julho de 2015

E o Prêmio por Produtividade 2013, nunca será!

Informo aos senhores que o prêmio produtividade de 2013 não alcançou a meta estabelecida, a qual era de 100% e a segurança pública atingiu somente 90,25%...o Ex. Governador Antonio Anastasia no final do ano, baixou um decreto estabelecendo o cumprimento de 100% da meta...conclusão, o prêmio de 2013 podemos esquecer.
SOLUÇÃO:
Ação judicial para requerer o direito adquirido, haja vista que o Decreto fora editado posterior, considerando o princípio processual da irretroatividade o aduzido Decreto não tem o condão de eximir o Estado do pagamento do prêmio de produtividade alhures citado. Ou seja, o ato é ilegal, e não tem potencialidade para comprometer o devido pagamento aos servidores da Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Princípio da irretroatividade
Princípio segundo o qual a lei não incide sobre fatos ocorridos antes da sua vigência. A lei não prejudicará o direito adquirido e o ato jurídico perfeito.





Fonte: Izaias Félix

terça-feira, 14 de julho de 2015

Mais uma Associação criada para lutar pelo Sistema



Estamos criando a ASPEMG Associação dos Servidores Prisionais do Estado de Minas Gerais, entregamos o projeto diretor que consiste na criação de um diretoria especializada ao atendimento ao servidor prisional na cidade adm, que irá atender e buscar otimizar o atendimento é solicitações referente a documentação, permuta e transferência.
Já amanhã estaremos participando da comissão de segurança pública reivindicando o indeferimento da aquisição de arma na PF, iremos estar criando página é site (blog) próprios para aglomerar o maior número de guerreiros que apoiam nossa luta, agradeço a todos que compartilham da mesma aspiração de mudança e tem somado para nos tornar mais forte contra qualquer tipo de assédio ou constrangimento que comumente é visto em nossas unidades, buscando a valorização do agente é demais servidores sempre o colocando como fator principal em todas as circunstâncias pois afinal somos todos ASP's.
👉
🏻 William Rocha
Presidente ASPEMG


Criação da ASPEMG

sexta-feira, 3 de julho de 2015

AASPESEN-MG representa o Sistema Prisional em Audiência Pública

No dia 30/06/2015, o presidente da AASPESEN-MG, Francisco Onofre de Santos Freitas, o Padre, representou com brilhantismo os servidores do Sistema Prisional em Audiência Pública, no município de Montes Claros. Gostaria de agradecer também o Senhor Dilson Marques, membro participante do conselho da comunidade, que nos deu um amplo apoio nesse evento; aos vereadores Claudio Prates, Oliveira Lega e Eduardo Madureira, que abriram espaço para nossa classe difundir e buscar solução para nossa mazelas. Agradeço também aos guerreiros que foram participar desse evento que, mesmo estando fatigados após um árduo dia de plantão, compareceram à Audiência. Por fim, vamos lutar com todas nossas forças.

Nessa foto, alguns dos Agentes Penitenciários que participaram da Audiência Pública. Nota-se que, mesmo espoliados pela falta de amparo, carregam sorriso em seu rosto com esperança que um dia alcancemos o respeito que merecemos! Portanto, consoante Salvador Allende: " se lutarmos podemos até perder, se não lutarmos já estaremos perdidos."





sábado, 20 de junho de 2015

NOTA DE REPÚDIO! O MENTIROSO.

No último dia 17 de junho, uma página do Facebook, Visão Norte Mineira, teceu um, noticia mentirosa a cerca dos fatos ocorridos com um Agente Penitenciário e dois vigias no Hospital Universitário. 

A mentira: 

Consoante Fredi Mendes, jornalista e ex-detento, em uma reportagem do Visão Norte Mineira, o Agente Penitenciário sacou de um revolver e causou pânico no Hospital Universitário após o termino do horário de visitas, e pelo fato de ser Servidor da Segurança Pública teria sido beneficiado pela polícia .   

Agora, a verdade:

Segundo Portaria do Ministério da Saúde nº1286 de 26/10/93, em seu artigo 26, o paciente tem direito a acompanhante,se desejar, tanto nas consultas, como nas internações . Diante dessa proposição legal e tendo como referência o tratamento pífio oferecido por aquela instituição de saúde, o servidor público alertou sobre a possibilidade de ficar com seu familiar, pois,  havia um dispositivo legal  que o amparava. Foi aí que os problema começaram. Devido a falta de treinamento por parte dos vigias, muito treinamento muscular, mas, pouco com a massa encefálica; a primeira atitude tomada pelos guardas foi um tentativa de imobilização. Quando o Agente foi imobilizado, eles notaram que ele estava armado. Como é de amplo conhecimento, os Agentes Penitenciários tem o porte de arma de fogo garantido pelas leis 10.826/03, 21.068/13 e a 12.993/14. Vale ressaltar que nenhum momento ocorreu o saque de uma arma de fogo para os profissionais que ali estavam, pelo contrário, eles só notaram que o cidadão estava armado depois da imobilização do servidor. Por fim,  e a providência tomada pelo servidor foi  acionar a Polícia Militar afim de lavrar o que ocorreu no Reds de número 2015-012495565-001, além da representação criminal dos vigilantes. No REDS ainda consta a versão dos seguranças do hospital, que disseram que só viram a arma porque foram usar de força contra o agente .A Policia Militar ainda fiscalizou a arma do Agente, que estava legal, e diferente do que diz a falsa noticia, o mesmo não possui revolver, mas uma pistola Taurus. Portanto, essa sim foi a verdade dos fatos, uma vez que, não houve nenhuma tentativa de intimidação do pessoal de serviço no hospital. A bem da verdade, não nos impressionamos com essa mentira, porquanto, é característico de quem é ou já foi preso levantar injúrias e calúnias a respeito dos servidores do Sistema Prisional. 

Mentiroso




terça-feira, 16 de junho de 2015

AASPESEN-MG apoia audiência pública em Montes Claros.

A AASPESEN-MG, Associação dos Servidores do Sistema Prisional e Socioeducativo do Norte de Minas Gerais, por intermédio de seu Presidente, Francisco Onofre de Santos Freitas, o Padre; articulou junto ao poder legislativo municipal uma Audiência Pública afim de debater as mazelas do Sistema Prisional Mineiro. Portanto, contamos com a presença de todos os Servidores do Sistema Prisional afim de que as autoridades façam conheça nossa demandas e nos dê o devido apoio.  


Vamos, a hora é agora!

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Agora sim, começou-se a fazer justiça!

Ontem, foi deflagrada a operação Cavalo de Troia e nela foram presos dois suspeitos do homicídio do Agente de Segurança Penitenciário Wesley Fabrício Ribeiro. Nós, componentes de Sistema Prisional, agradecemos ao empenho da Polícia Civil de Minas Gerais, bem como, do Ministério Público de Minas Gerais pelo empenho. Agora, espera-se com muito fervor que esse facínoras sejam julgados e condenados com uma forma de punição que chegue próximo da que eles merecem, pois, a bem da verdade, o que mereciam é o mesmo destino de nosso colega; todavia, nosso ordenamento jurídico FRACO, FALHO, VERGONHOSO, FROUXO, EXECRÁVEL, IRRISÓRIO, dá a esses vermes prerrogativas que tem que de ser respeitadas! Por fim, demos o primeiro passo para que os presos pelo assassinato de nosso Caveira sejam condenados a uns 25 anos, cumpram 2/5 da pena em regime fechado, que daria no máximo 10 anos, e esse tempo pode ser deduzido com bom comportamento, trabalho e estudo, todos esse benefícios com previsão na Lei de Execuções Penais, e, logo depois, ganhem a tão esperada liberdade.   

dentro das perspectivas legais, a justiça está sedo feita!


domingo, 7 de junho de 2015

REBELIÃO EM GOVERNADOR VALADARES E A INVERSÃO VALORES!

Desde de ontem, detentos do Presídio de Governador Valadares estão em rebelião "reivindicando" a respeito  da superlotação carcerária. Entende-se que a melhor forma para diminuir a superlotação seria o elemento não ir preso, pois, como é um ditado comum no ergástulo: "não aguenta cadeia, não venha preso".  Prosseguindo no assunto, a imprensa redobrou atenção para esse episódio  relatando sobre a lamúria que viviam os "reeducandos", e sua situação execração, nossa que aviltante. Não se pode deixar de citar também a repeito que a OAB e o juiz de execução penal que  também esteve presente para tentar negociar com os pobres "desfavorecidos sociais"; elementos esses que usam de violência para fazer o que querem. Presenciou-se também um discurso "maravilhoso" de uma senhora falando horrores(para não dizer ruminado merda) dos Agentes Penitenciários e das "torturas" praticadas por eles, bem como, de corpos saindo do referido presídio, e pasmem, em viaturas do Estado, pela madrugada. Emfim, tolices e mentiras sem precedentes. Essa matéria foi divulgada peal Inter TV Grande Minas, filiada da Rede Globo de televisão. Agora, procura-se dizer o que seja verossímil, uma vez que, nós, profissionais da segurança pública, somos espoliados tanto pela mídia, quanto pela sociedade. Nessa mesma matéria da imprensa, a moto de um Agente Penitenciário foi destruída por arruaceiros, nem por isso ganhou  tanto enfoque como a Rebelião dos "pobres coitados", indefesos esse que matam, traficam, roubam estupram e praticam outras coisas afins. Todavia, o problema maior não é tanto o material, um vez que, com trabalho e esforço nosso irmão de farda poderá adquiri outro bem; o problema está que nós, Agentes Penitenciários, estamos sendo TORTURADOS e MORTOS ,dia após dia, e ninguém está fazendo nada! Não temos esse Órgãos de defesa que, em tese, seria para todos os HUMANOS, em nosso favor! A cerca de 50 dias, um Agente Penitenciário, Wesley Fabrício Ribeiro, teve sua vida ceifada de maneira cruel, abrupta e covarde e até hoje não vi nenhum desse "PSEUDO-DEFENSORES" irem dar apoio á Família de nosso colega! Muito pelo contrário, promessas foram feitas: coletes balísticos para todos os Agentes, Tecaf, carteira funcional, segurança no translado do serviço, e NADA, ABSOLUTAMENTE NADA, FOI CUMPRIDO! Politicagem foi feita com essa tragédia, e nosso colega acabou virando estatística. Portanto, essa é a triste realidade em que vivemos, Agentes do Estado sendo tratados de forma desumana e degradante, enquanto facínoras, criminoso e elementos que vivem a margem da lei tendo prioridades e regalias. Por fim, agora a Rebelião está prestes a acabar, os desordeiros conseguiram tudo que queriam e a Segurança Pública mais uma vez é crucificada, e já não se distingue que é  o certo ou o errado. Pelo que se está vendo, a forma de conseguir alguma coisa em nosso Brasil não é com diálogo e respeito, e sim com rebelião, tumulto, GREVE; às vezes, o motor propulsor de mudanças sociais arraiga-se na anarquia, pois, consoante Claudios Devon:"anarquia não é desordem, desordem é o senado que abriga ladrões que roubam o próprio povo".     

Rebelião no Presídio de Governado Valadares.
 Link que mostra a reportagem citada no texto:        


quarta-feira, 3 de junho de 2015

ANTES TARDE DO QUE NUNCA!

Saiu a convocação  da 4 etapa concurso ASP/ASE 2013! Força futuros irmão de farda, pois, estamos ansiosos para que vocês ingressem logo no Sistema e nos ajudem a fazer nossa classe uma das melhores da segurança pública de Mina Gerais. Fiquem atentos para a documentação exigida e boa sorte! 
  
                                  
                                          Att: Francisco Onofre de Santos Freitas, o Padre, 
                                                   Presidente da AASPESEN-  MG





Confira sua Classificação no link: 

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Vitória!

É como muito felicidade que informo que tanto os candidatos do concurso 2013, quanto os irmãos do Contrato Administrativo receberam ótimas notícias essas semana! A respeito do concurso, foi publicado hoje, 28/05/2015, no site da SEDS, Secretaria de Estado de Defesa Social, que o resultado da terceira etapa, exames psicológicos, bem como, a continuidade do concurso estará no IOf do dia 30/05/2015. E a respeito dos contratos, o Governador Fernando Pimentel enviou um  projeto de lei que estende o período do contrato por 5 anos. Portanto, fico feliz de mais uma vez ver uma pequena Associação aqui do Norte, sem  nenhum apoio politico, poder ajudar de maneira significativa nessa conquistas. Não se está dizendo que ela é a única responsável, pois, ajudas vieram de todas as partes, Deputados, lideranças e outras formas de organização. Contudo, sabe-se que sempre aparece algum "politiqueiro" de plantão querendo colher os frutos das tão sofridas lutas, não obstante, todos tenham um parcela significativa nessa querela. Mas é aquela dinâmica um tanto simplista, pai de filho lindo tem-se aos montes, todavia, de filho feio, já se viu. Por fim relembro aquela frase, de Salvador Allende, que nos acompanha em todas as batalhas: " Se lutarmos podemos até perder, se não lutarmos já estaremos perdidos!"  

ATT: diretoria da ASSPESEN-MG   

Vitória! Que venha outras lutas.



quarta-feira, 27 de maio de 2015

A verdade sobre o Tcaf!

A AASPESEN-MG, Associação dos Agentes de Segurança Penitenciário o Socioeducativo do Norte de Minas Gerais, esteve na Cidade Administrativa, e se reuniu com Iltonei, responsável pelo treinamento do Sistema Prisional, e cobrou respostas quanto ao curso de tiro, O TECAF, dos concursados 2012, das RISP'S, Região Integrada de Segurança Pública, do Interior . A resposta não foi as melhores possíveis. O curso de tiro será ministrado de maneira fracionada, ou seja, uma parte dos Agentes faram agora, Por exemplo, na RISP 11, serão 120 vagas para um montante de 278 Agentes, logo, 158 profissionais farão o curso em Agosto, AGOSTO DE DEUS!Vale dizer que em TODO O INTERIOR DO ESTADO VAI SER ASSIM! Ressalta-se que a resposta para essa lambança é  que o ESTADO não tem munições suficiente para ministrar o curso para todo os efetivos, o motivo seria porque todos os excedentes foram chamados e que o " planejamento" seria para um número de candidatos que constava no edital, pode essa? Todos os Órgãos  de Segurança Pública convocam seu excedentes, isso já consuetudinário, só o SUAPI que não está preparado para isso, e mole?! A respeito do " resto" do Tecaf, o que nos foi passado e que o restante das munições estão em processo de compra, e que assim que forem adquiridas, o restante dos concursados realizarão o curso de tiro. A diretoria de AASPESEN-MG pressionou de todas as formas afim de que fossem admitidas medidas complementares como, reconhecimento de curso particulares, deslocamento de alguns servidores a BH para realização do curso, Todavia, todas foram refutadas. Por fim, com os olhos lacrimejando de tanta "areia", esse foi o desfecho da querela de nosso Tecaf. Agora, se nos unirmos nós faremos o curso da maneira  correta só depende de não deixarmos a vaidade tomar conta de nosso ser e pensarmos não só no EU, mas, mas em NÓS. O núcleo da AASPESEN-MG vai se reunir com seu núcleo duro e vamos buscar uma medida para nossa demanda e vamos convocar todos à luta!



Nosso curso de tiro, será?

PROPOSTA DE RENOVAÇÃO DOS CONTRATOS POR MAIS 5 ANOS CHEGA A ALMG E HÁ GRANDE POSSIBILIDADE DE SER APROVADO



quarta-feira, 20 de maio de 2015

Já se passou um mês e... NADA!

A exatos um mês, o Agente de Segurança Penitenciário Wesley Fabrício Ribeiro foi assassinado no translado de casa para o serviço e até ontem não se teve indícios de quem é o autor do fato. É com imenso pesar que se fala sobre esse assunto, pois, esse crime foi um atentado contra a ordem consolidada do Estado Democrático de Direito. Não bastasse essa fatalidade, tem-se um colocação um tanto infeliz e muito idiota do " Jurista" Celso Bandeira de Mello  de que: a única diferença entre o bandido e o policial e que o policial tem a carteira de servidor público. No Brasil, a inversão de valores é nítida, ainda mais quando se trata em detrimento do bandido para como o servidor da segurança pública. o "eminente jurista" fez um discurso inflamado a respeito do caos na educação do Paraná, todavia, ataca com veemência a segurança pública; ora ilustríssimo "Jurista" pede-se ao senhor que saia da sua zona de conforto, venha conhecer a realidade da segurança púbica, e não mensure suas ideias embasado, tão somente, em seus papéis timbrados e sua sala com ar condicionado. Agora, peço vênia, não obstante esteja trabalhando em cima de nenhum sofismo, e saio da impessoalidade das primeiras linhas por eu digitadas e deixo uma singela opinião: caro Celso Bandeira de Mello, EU nunca torturei ninguém, pelo contrário, há um mês carreguei o caixão de um colega meu de farda brutalmente assassinado por esses elementos que vossa excelência diz que só se difere  de nós por causa de nossa carteira funcional. O grande problema de alguns "intelectuais" do Brasil ancorasse no fato de não terem consciência histórica. Entende-se que eles foram fruto da ditadura, contudo, não se pode julgar os pressupostos do passado alocando os no presente, visto que, a sociedade passa por transformações, por conseguinte, as conjecturas políticas são outras, o nome dessa prática é anacronismo. Por fim, ressalta-se que o Deputado Federal Major Olímpio protocolou um ofício pedindo explicações a respeito do ocorrido e nós, profissionais da segurança, apoiaremos. Ressalta-se também que pedimos apoio aos Órgãos de proteção aos Diretos Humanos, no que tange ao assassinato de nosso colega, e um respondeu que não tinha competência para isso, mas indicou a instituição de provavelmente nos daria amparo, no entanto, não obtivemos reposta desta também. Portanto, seria correto dizer: " diretos humanos para quem é humano? ou diretos humanos para os manos?!                   
Há exato um mês nosso caveira teve a vida ceifada e até agora nada!

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Força Tarefa


Mudanças a vista:


O GOVERNADOR DO ESTADO DE MINAS GERAIS, no uso de atribuição que lhe confere
o inciso VII do art. 90 da Constituição do Estado e tendo em vista o disposto na Lei Delegada nº 180, de 20 de
janeiro de 2011,
DECRETA:
Art. 1° Fica instituída Força-Tarefa com a finalidade de analisar, diagnosticar e propor alterações
no Sistema Prisional, no âmbito da Secretaria de Estado de Defesa Social.
Art. 2º São objetivos da Força-Tarefa:
I – diagnosticar e propor adequações na política prisional;
II – levantar e diagnosticar a situação dos presídios e unidades socioeducativas;
III – avaliar a gestão dos contratos de parceria público-privada firmados no âmbito do Sistema
Prisional;
IV – analisar os fluxos e rotinas operacionais do Sistema Prisional, propondo adequações necessárias
à sua maior efetividade;
V – propor ações emergenciais, imediatas e mediatas para combater o déficit de vagas no Sistema
Prisional;
VI – diagnosticar a formação e alocação de recursos humanos do Sistema Prisional;
VII – propor intervenções visando à eficiência das ações de recuperação do apenado.
Art. 3º A Força-Tarefa será composta pelos titulares dos seguintes órgãos:
I – Secretaria de Estado de Defesa Social, que a coordenará;
II – Secretaria de Estado de Governo;
III – Secretaria de Estado de Casa Civil e de Relações Institucionais;
IV – Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão;
V – Secretaria de Estado de Fazenda;
VI – Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas;
VII – Gabinete Militar do Governador do Estado de Minas Gerais;
VIII – Secretaria-Geral da Governadoria.
§ 1º Poderão ser convidados a participar da Força-Tarefa órgãos e entidades federais e municipais,
instituições privadas, associações e representantes da sociedade civil em geral, se necessários ao cumprimento
de suas finalidades, segundo critérios de participação a serem estabelecidos pelos titulares dos órgãos integrantes
da Força-Tarefa.
§ 2º Os órgãos e entidades estaduais que compõem o Sistema de Defesa Social poderão ser convocados
a participar da Força-Tarefa.
Art. 4º Todos os órgãos da Administração direta e indireta do Estado deverão apoiar as ações da
Força-Tarefa, priorizando informações e disponibilizando pessoal técnico e gestores necessários ao desenvolvimento
dos trabalhos para dar exequibilidade a este Decreto.
Art. 5º A Força-Tarefa deverá realizar suas atividades no prazo de noventa dias, a contar da data
de publicação deste Decreto, produzindo relatório final dos trabalhos a ser encaminhado ao Governador do
Estado.
Art. 6º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.
Palácio Tiradentes, em Belo Horizonte, aos 13 de maio de 2015; 227º da Inconfidência Mineira e
194º da Independência do Brasil.
FERNANDO DAMATA PIMENTE

Obs; Concordo com a força tarefa, todavia, para se transforma o Macro estrutura é primordial a observação da micro estrutura, logo, espero que seja dado esse espaço que está previsto aos movimentos sociais nesse decreto; pois, já estamos cansados de ter nossa realidade mensurada por burocratas que ficam em cargos de alto escalão e não entendem nossa rotina!


sexta-feira, 8 de maio de 2015

Para refletir:discurso de Charles Chaplin, O Grande Ditador!



Agora, faça suas analises!

Parabéns Kaveiras!

Parabéns aos novos diretores da RISP 11! A missão dos senhores não será fácil, pois, estão pegando um tropa desanimada e fragmentada por muitas injustiças, maus tratos, regalias a um pequena minoria e um maioria sendo massacrada durante mais de 10 anos. Todavia, vê-se nos futuros gestores uma chance do Sistema alçar voo como nunca antes ocorreu. Por fim, parafraseando Immanuel Kant: "deve-se romper com as amarras do PASSADO e projetar no Futuro algo melhor". Confiamos em vocês! 
         

Lucas Martins Ribeiro dos Santos- Vice-Presidente da AASPESEN-MG e um dos representantes do Norte Movimento Agentes Fortes.


Da esquerda para à diretas: Neemias Moreira dos Santos, diretor do Presídio Alvorada; Cláudio Alves da Silva, Diretor do Penitenciaria de Francisco Sá; Gilton costa e Silva, Diretor do presídio Regional de Montes Claros.

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Imagens e símbolos!

A semiótica é a ciência geral que estuda os símbolos, ou,  fenômenos culturais como se fossem  sígnicos, isto é, sistema de significação. Resumindo, os símbolos são tudo!



Estátua de ditador Saddam Hussein em derrocada, uma simbolo de vitória da democracia contra a tirania!

Mudando de assunto, danças das cadeiras começa na Suapi, confira na integra quem sai e quem fica no link a baixo:

http://jornal.iof.mg.gov.br/xmlui/handle/123456789/143494


Parabéns aos diretores: Cláudio Nascimento Alves da Silva, Diretor da Penitenciária de Francisco Sá; Gilton Costa e Silva, Diretor do Presídio Regional de Montes Claros e Neemias Moreira dos Santos, Diretor do Presídio Alvorada. Contamos com vocês para que a moral dos "guardas" seja restaurada!



Fonte: IOF

Norte de Minas troca a gestão conforme publicado no IOF de hj!!!!


http://jornal.iof.mg.gov.br/xmlui/handle/123456789/143486#  PAG 2

Verdade seja dita, votamos em um governo dito do povo, logo, queremos mudança!

Até hoje não entendi. Vota-se em um governo dito do povo, todavia, continua-se com as velhas oligarquias? A bem da verdade, não se defende mudança para o que está dando certo, contudo, algumas situações necessitam de ruptura, e de forma abruta, pois, está dando errado! Por fim, parafraseando Immanuel Kant: "deve-se romper com as amarras do PASSADO e projetar no Futuro algo melhor". Força Cabo Júlio! Votou-se em um governo para o povo, pois, se assim não fosse, poderia ter  dado continuidade ao governo TUCANO!    






Deputado Cabo Júlio dissertando sobre as mudanças!

terça-feira, 5 de maio de 2015

Agora vai!

COMISSÃO DE SEGURANÇA PUBLICA APROVA REQUERIMENTOS:

1 - Audiência publica para apurar desidia da SUAPI em não distribuir coletes aos agentes que trabalham com placas de coletes vencidos, mesmo existindo coletes na Subsecretaria.

2 - Visita a cadeia publica de Bocaiuva onde um unico agente toma conta sozinho de 120 presos, tendo ainda 4 no corredor, colocando em risco a vida do agente.
3 - Audiencia para apurar a responsabilidade da SUAPI pela falta de treinamento de agentes com armas de fogo, onde ASP portam fuzis, escopetas, pistolas e revolveres sem o devido treinamento.
4 - Visita aos presidios de Patrocinio, Presidio Regional de Montes Claros, Francisco Sá e Presidio Alvorada para apurar denuncias feitas por agentes.
Todos aprovados de autoria do Deputado Cabo Julio.

Quero ver opressão é agora! Não vamos nos esquecer do presídio de Januária!
Fonte: Henrique Corleone.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Convocação a todos os filiados!

O Presidente da AASPESEN-MG, Associação dos Agentes  de Segurança Prisional e Socioeducativo do Norte de Minas Gerias, Francisco Onofre de Santos Freitas, o padre, no uso de suas atribuições, convoca os filiados para uma Assembléia afim de realizar uma pauta que será entregue ao Secretário de Estado de Defesa Social, Bernado Santana, em conjunto com o Ministério Público de Minas Gerais. Ressalta-se que essa Assembléia tem o objetivo levar  nossas demandas relativa à segurança dos Agentes Prisionais, logo, não será permitido assuntos relativos à esfera política. Essa Assembléia ocorrerá amanha, Terça Feira, dia 05/05/2015, às 20H, na sede da AASPESEN-MG, rua Ernesto Neves, 160-A, Bairro Edgar Pereira. Por Fim, é necessário a presença de todos para que essa reunião tenha sucesso. Ressalta-se que nossa Associação e neutra no que tange a assuntos político, nosso interesse é o bem estar dos Agente Penitenciários.
Não é a primeira vez que o presidente da AASPESEN-MG se reúne com Bernado Santana.
  

quinta-feira, 30 de abril de 2015

NOVIDADES A VISTA!

Conforme matéria publicada no Jornal O Norte, na Coluna Preto no Branco por Aldeci Xavier, poderemos ter novidades nos próximos dias no Sistema Prisional, mais especificamente, no Presídio Regional de Montes Claros.

De acordo com o colunista, “já está na mesa do Secretário de Governo Odair Cunha, para ser publicado, o ato de nomeação do agente penitenciário Francisco Onofre como Diretor-Geral do presídio de Montes Claros, em substituição a Wanderson Fabiano de Souza.”

Ainda segundo o colunista, a indicação do ASP Francisco, “foi um pedido direto do Diretório do PT de Montes Claros. Os deputados Cabo Júlio, Tadeuzinho e Paulo Guedes, abriram mão da indicação em favor do diretório.”

O nome do novo Diretor é visto com bons olhos pela grande maioria dos servidores no Presídio Regional. Além da vasta experiência acumulada durante seus 06 anos de serviços prestados na área, possui a qualificação técnica e teórica necessárias ao desempenho do cargo.

Grande acerto do Diretório do PT Municipal, sob a presidência do competente Paulo Rogério. 

fonte: O NORTE



Apoio a greve a no Paraná, em Minas Gerais, e nosso Caveira?

É de repudiar o a ação do Governador do Paraná, Beto Richa, no que diz respeito a greve dos Professores. Ressalta-se que não se deve criticar a ação da polícia, pois, estava sobre o julgo do Governador e fez o que o "eminente" membro do poder executivo ordenou. Agora, o que é de se estranhar é fato de algumas autoridades, restringindo-se a esfera do poder legislativo, daqui de Minas Gerais critiquem o que ocorre em outro Estado, e não deem conta do que ocorre aqui. Na semana passada, na cidade de Montes Claros, MG, um Agente de Segurança Penitenciário, Wesley Fabrício Ribeiro, foi brutalmente assassinado no translado de casa para o serviço, e mesmo assim, não presenciou-se  manifestação nenhuma de algumas autoridades como nota-se no caso dos problemas com o Governo do Paraná. Para não cair na navalha da ingratidão, cita-se dois nomes de representantes do poder legislativo a dar ajuda a Família do Agente morto em combate: um deles, o Cabo Júlio, que se comprometeu em reunião aqui no norte de minas a ajudar a família de nosso Caveira nos procedimentos de pensão, dando assim mais celeridade ao tramite; o outro, pasmem, é o missionário Márcio Santiago, que consoante a Família do Agente Ribeiro, ligou e prestou as condolências e ofereceu ajuda. Vale lembrar que num montante de um pouco mais 70 deputados, tem-se dois membros.Todavia, vale lembrar que a luta dos profissionais da educação daquele Estado tem legitimidade, logo, não é justo serem repelidos de maneira tão aviltante pelo Governador do Estado. No entanto, o que estarrece, é o fato de nosso representastes, apoiarem movimentos de um outro Estado, enquanto em suas conjecturas há servidores sendo executados, a plena luz do dia. Portanto, deve-se primeiro reparar as mazelas de nossa casa, antes de meter-se em agruras de outro lar! Por fim, reitera-se que não a policia não fez o que queria, pois, a ordem partiu do governado, e tampouco, ou professores estão errados e sua revindicações, visto que, eles são o  esteio de nosso país. Pelo contrario, o origem do todo a mal emana do Erário, pois, de um lado agridem profissionais que são responsáveis pela formação intelectual da sociedade; e de outro, vê seu servidores serem executados pelo crime organizado e se mantém em estado de inércia, preocupando-se com os problemas do vizinho!     
Primeiro temos que resolver nosso problemas!

segunda-feira, 27 de abril de 2015

ATENÇÃO! CONVOCAÇÃO! A HORA É ESSA!

A AASPSEN-MG em conjunto com o SINDASP, convoca a todos os ASP do Norte de Minas a comparecerem em audiência a realizar-se nesta terça, 28 de abril de 2015, às 20 h na Rua Ernesto Neves, nº 160, 2º Andar, Bairro: Edgar Pereira – Montes Claros – MG (Sede da AASPSEN-MG), com presença confirmada dos Diretores do SINDASP e do Presidente do Diretório do PT Municipal Paulo Rogério e do Vice-Presidente do Diretório do PT Estadual, Alfredo Ramos. 

A audiência tem por objetivo deliberar acerca dos anseios ASPs Norte Mineiros face aos últimos acontecimentos.

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Manisfesto à Segurança Pública!

A AASPESEN-MG, Associação dos Agentes de Segurança Prisional e Socioeducativo do Norte de Minas Gerais, protocolou ontem, no Comandado da Polícia Militar, o pedido de manifestação pacífica por causa do assassinato do Agente de Segurança Penitenciário Wesley Ribeiro. A manifestação ocorrerá na Terça-Feira, dia 28/04/2015, das 13H às 15H, na porta do Ministério Público e vai até o Fórum Gonçalves Chaves. É necessário a participação de todos os membros da Segurança Pública, Polícia Militar, Polícia Civil, Bombeiros, Agentes Penitenciários, Agentes Socioeducativos e Guarda Municipais. É nesse movimento que vamos expor nossos problemas a toda a sociedade, logo, é crucial unirmos para fazer tremer o Norte de Minas. Nossa orientação é que todos que forem compareçam com uma camisa branca. Ressalta-se que a família do Agente Penitenciário Ribeiro está confeccionando camisas brancas com a foto de nosso Caveira com um valor simbólico, e todos aos Agentes Penitenciários estão convocados a adquirir a camisa para irmos a manifestação. Por fim, aguardamos a presença de todos.    


Documento encaminhado a ao Comando da Polícia Militar ontem avisando sobre a manifestação 

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Nosso Caveira teve a Homenagem que ele merece!

Foi com um cortejo fúnebre digno de um herói que nos despedimos de nosso caveira! Vai em paz irmão, sua missão aqui na terra já foi cumprida! CAVEIRA!



Vai com Deus, Caveira!

terça-feira, 21 de abril de 2015

CORTEJO E ENTERRO DO ASP RIBEIRO!

Esta data é de grande tristeza para o Sistema Prisional, em especial para nós do Norte que tivemos a honra e o prazer de compartilhar alguns dias com o nosso irmão Wesley Fabrício Ribeiro. Uma pessoa de uma educação e uma lucidez ímpar; um guerreiro que procurava vencer na vida pelo seu próprio esforço e méritos, um exemplo, um herói e agora um mártir!

Como forma de homenagear o nosso irmão, convidamos a todos os integrantes do sistema prisional a comparecer ao cortejo marcado para as 17 h e no enterro previsto para as 17 h e 30 min, devidamente fardado, com o fardamento do respectivo grupamento ao qual pertencer. 

Vá em paz, irmão, sentiremos muito a sua falta.

"Ele enxugará dos seus olhos toda lágrima. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor, pois a antiga ordem já passou". Apocalipse 21:4


A última homenagem ao nosso Caveira!

Hoje às 17h será sepultado o nosso irmão de farda! Peço a todos os Servidores do Sistema Prisional que vá e preste a última homenagem ao nosso Caveira. espero todos lá no local onde o irmão de farda está sendo velado para partimos em um cortejo até o cemitério público de Montes Claros. Ressalto também, com veemência que fossemos ao cortejo todos FARDADOS, pois, quem tem que se esconder é BANDIDO, e não nós, Caveiras! Conto com o apoio do irmão do Sistema Prisional e Socioeducativo!

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Luto! Meu irmão de farda foi morto.

Nessa data eu perdi um irmão de farda! Isso me leva a pensar o que ocorre com nossa sociedade. Estou muito triste, afinal de contas, foi um companheiro meu de curso de formação. Vale lembrar que, Ribeiro, nome dado ao meu irmão de farda, foi um excelente profissional, educado e tratava os recluso conforme manda a lei, nem por isso, foi poupado de uma morte bruta, vil e com requintes de crueldade! Está mais do que provado que vivemos em um inversão de valores, pois, tirando nossa classe que anceia em saber onde se encontra o covarde que cometeu esse ato e a PM e PC, não vi nenhum dos Órgãos de proteção os direitos humanos ir à nossa unidade para saber com está nossa condição emocional, bem como, prestar apoio à família de um SERVIDOR PÚBLICO, morto em serviço! Por fim, gostaria de render um homenagem ao companheiro Wesley Ribeiro, vá em paz meu companheiro, nós, seus irmãos de farda, sentiremos muito sua falta.   

Luto!

Velório do Agente Wesley Fabricio Ribeiro

Velório a partir da 16:00hs de hoje na Funerária Avelar Próximo a Prefeitura de Montes Claros. Cortejo sairá ás 17:00 h de amanhã e enterro será ás 17:30 h do mesmo dia.

"Ele enxugará dos seus olhos toda lágrima. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor, pois a antiga ordem já passou". Apocalipse 21:4

                    Agente (Foto: Reprodução/Facebook)
" Sei que estará sempre conosco irmão! pois quem está perto de Deus não está longe da gente. SUAPI!"

Agente Penitenciário Morre ao ser alvejado indo para o Trabalho

Um agente penitenciário, de 25 anos, foi morto com um tiro, na manhã desta segunda-feira (20), no Bairro Jaraguá em Montes Claros, no Norte de Minas.
De acordo com as primeiras informações da Polícia Militar, o agente, que era funcionário do Presídio Regional, estava a caminho do trabalho quando foi abordado por dois homens em uma moto. Eles atiraram várias vezes e a vítima foi atingida com um tiro na cabeça.
Ainda segundo a PM, funcionários do presídio prestaram os primeiros socorros até a chegada da ambulância do SAMU. Wesley Fabrício Ribeiro morreu durante o encaminhamento ao hospital.
Os dois suspeitos fugiram sentido ao Bairro Vilage do Lago II e até o momento não foram presos.
De acordo com Secretaria de Estado de Defesa Social, o agente é funcionário efetivo do presídio desde o dia 11 de novembro de 2014. O órgão informou ao G1 que aguarda a conclusão das investigações para saber se o crime tem alguma relação com o trabalho

Os caras emparelharam com ele, tipo confirmando a pessoa.
Estava indo assumir o serviço
Tentaram socorrer....
Wesley Fabrício Ribeiro
Faleceu...
Corpo esta no posto da produção no carro do Samu
De nome Wesley
Repassando...
A princípio um tiro na cabeça
Por enquanto, vps no local
Presidio jaragua
Foi repassado pelo Copom
Local Montes Claros"

sábado, 18 de abril de 2015

Que a verdade seja dita! Nosso representante é CB Júlio!

Cabo Júlio responde as difamações sofridas e eu, Lucas Martins Ribeiro dos Santos, Agente de Segurança  Penitenciário e Vice Presidente da AASPESEN, Associações dos Agentes de Segurança Prisional e Socioeducativo do Norte de Minas Gerais, tive experiências marcantes com a eminente insignia do poder Legislativo como: a saída do Plenário da ALMG, a luta pela renovação, bem como o projeto de lei orgânica do Sistema Prisional. Força Cabo Júlio, segundo Oscar Wilde: "aqueles que não fazem nada estão sempre dispostos a criticar os que fazem algo"! No texto abaixo nosso representante se defende das mentiras tecidas contra sua pessoa e mostra os avanços que está lutando para se consolidarem.     


"De outubro a 31 de dezembro os agentes contratados vinham sangrando diariamente, com demissões que logo após as eleições covardemente começaram a acontecer, inclusive com agentes grávidas. 

Como Deputado que representa o governo atual na Assembléia, por diversas vezes solicitei ao governo anterior que parasse as demissões, que "deixasse o problema para o novo governo". Ainda assim, vários colegas foram demitidos ate o ultimo dia do ano. 

Quando assumimos o governo chamamos até o ultimo excedente do concurso 2012 SEM DEMITIR NENHUM CONTRATADO. Irresponsavelmente se criou antes disso a ideia de que contratados e concursados são inimigos, e não são, são vitimas de um sistema que tratava com desrespeito esta classe. O Governo atual agiu rápido e com respeito ao servidor. 

O que não fizeram em 2 anos (ASP 2012) terminamos em 2 meses (JAN e FEV). O concurso de 2013 teve recurso liberado esta semana para dar continuidade. Estamos em negociação com o Sindpúblicos sobre os administrativos, e sobre a nova Lei orgânica que trara um capitulo para Administrativos, sócio educativos e um para Agentes prisionais. Isso se chama respeito e valorização. Começamos a fazer o que nunca foi feito. Os agentes contratados, vitimas desse sistema pernicioso, estão perdendo o emprego. Onde estavam esses pseudos representantes de associações e sindicatos ligados aos tucanos que ficaram no poder 12 anos e não resolveram o problema dos colegas? Estavam nas benesses do poder. 

Agora, estamos buscando uma solução para os contratados. Várias propostas estão sendo analisadas: um curso de requalificação para contar pontos extras na prova de títulos ou um projeto de autoria do governador para prorrogar o contrato sem prejuízo dos concursos. A conta é facil. A assembleia tem 77 deputados. Sendo 55 da situação e 22 da oposição. Logo um projeto do governo teria, em tese 55 votos. Ninguém, e ai faço este desafio, tem trabalhado tanto para corrigir a covardia com os agentes quanto eu neste governo. Existe uma divida história governamental com os agentes e o Governo Pimentel vai resgatar esta divida. Coisa que o outro governo não fez. 

Hoje pela manhã fui surpreendido com uma postagem leviana e irresponsável de um cidadão de nome Ronam Rodrigues que disse que eu teria dito que "quem for na audiência do dia 23 será demitido". Tal afirmação além de irresponsável é burra, e demonstra porque os colegas estão na situação que estão, seus representantes associativos são fracos e incompetentes. Pegam um texto fora de um contexto para criar um pretexto. 

O contexto responsável da fala é: " É momento de calma, nenhum contrato será rescindido até seu ultimo minuto do ultimo dia, os Secretários da Seplag, Seds e Suapi estão estudando uma solução para resolver o problema, palavras radicais não ajudam, tenham tranquilidade, atacar colegas concursados ou ameaças não resolvem o problema, criam outros problemas, vocês são contratados não tem estabilidade, toda prudencia é bem vinda, o colega que radicalizar corre o risco de demissão pela fragilidade dos contratos, ganhem a estabilidade e ai pode descer o pau". Esse é o contexto real. 

Termino lamentando que certas pseudos lideranças fracas e oportunistas em vez de buscarem unir os deputados para resolverem problemas da classe acabam trabalhando pela divisão de forças que podem ajudar na solução dos problemas. Talvez a vontade real dessas pseudo lideranças seja que o problema não seja resolvido para esconder e justificar sua incompetência de estarem ai a anos e não resolverem os problemas do agentes. Lideranças fracas e incompetentes criam uma classe frágil. Mas mesmo assim, vamos continuar lutando pelos agentes, pois eles são as verdadeira vitimas do sistema. Um abraço a todos, 

Deputado CABO JULIO"

Fato histórico, na saída de plenário da ALMG, Cabo Júlio mostra quem realmente  ele é representante do Sistema Prisional!contra fatos não há argumentos.